Como fazer uma boa redação: da introdução à conclusão

Introdução

Você pode iniciar uma redação de diversas formas, abaixo vamos apresentar cinco exemplos de como começa-la.

Com ideias contrastantes

Ex: Ao mesmo tempo em que é possível encontrar as maiores altitudes do globo, o continente asiático apresenta também as menores altitudes.

Dados estatísticos

Ex: A cidade … é o maior do estado, possuindo uma área total de … e possui mais de … milhões de habitantes bem distribuídos por todo o seu território. Esses dados são ideais para…

Uma pergunta

Ex: Será que a Segunda Guerra Mundial foi uma continuação da Primeira?

Uma Citação

Ex: O assunto do (sobre) …pode ser discutido a partir das palavras lúcidas de …quando afirma que “…”

Dados retrospectivos

As primeiras manifestações de comunicação humana, nas eras mais primitivas, foram traduzidas por sons que expressavam sentimentos de dor, alegria ou espanto. Mais tarde…

É importante esclarecer que a introdução de uma redação não deve ser tão longa a ponto de ser cansativa e nem curta a ponto de ser vazia, sem conteúdo. Numa introdução é importante que o leitor saiba sobre o que a redação por inteira irá tratar.

O Desenvolvimento

Como desenvolver o assunto de uma redação? Essa pode ser uma pergunta feita por muitos estudantes na hora de escrever uma redação. Mas as dicas que estão aqui neste artigo vão te ajudar.

No desenvolvimento de uma redação é interessante abordar fatos reais, dados de estatística, citações relacionadas ao assunto que está a escrever, alguns exemplos, comparações e justificativas. No desenvolvimento é preciso informar o leitor com o máximo de conteúdo possível, mas tenha cuidado para não exagerar e escrever de forma que seu texto fique desconectado entre os parágrafos.

Em uma redação, é necessário que cada parágrafo esteja conectado um com outro, para que o leitor não se perca no meio de tanta informação. Outra dica para o desenvolvimento é a de não escrever mais do que dois parágrafos, o ideal seria um parágrafo para a introdução, um para o desenvolvimento e um para a conclusão.

A Conclusão

Agora que já sabemos como escrever o desenvolvimento de uma redação, partimos para a conclusão. O que deve conter em uma conclusão? Leia abaixo algumas dicas para escrevê-la.

A conclusão de uma redação é a parte de destaque da mesma. Uma forma interessante de criar uma conclusão é a de ligá-la com a introdução. Como? Simples, você poderá responder alguma pergunta levantada na introdução ou expor sua opinião sobre o assunto.

Na conclusão você poderá fazer um breve resumo de todo o conteúdo do desenvolvimento. Poderá também usá-la de forma sugestiva, humorada… Mas não perca o foco, tente deixar o assunto ainda mais claro por meio da conclusão.

O artigo vai ficando por aqui. Espero que vocês tenham gostado dos artigos dessa série e absorvido bastante conhecimento, aproveitem para deixar um feed-back por meio dos comentários.

Abraço.

Related Posts

8 Comments

  1. marcos silva
    28 janeiro, 2013 at 0:23 - Reply

    Bom parabéns pelo artigo, e realmente são dois eixos fundamentais de uma redação, onde podem determinar o sucesso ou fracasso, parabens

    • Ian Filipe
      6 fevereiro, 2013 at 20:09 - Reply

      Obrigado pelo comentário Marcos, além do desenvolvimento e conclusão, a introdução é também fundamental, sem uma boa introdução acho difícil o leitor continuar a ler até o desenvolvimento. Abraço.

  2. Valdenilde Ribeiro
    24 fevereiro, 2013 at 20:30 - Reply

    Muito bem explicado.Afinal, esse texto é um dos mais difícies para os estudantes..

    • Ian Filipe
      25 fevereiro, 2013 at 18:55 - Reply

      Obrigado pelo comentário Valdenilde, sim, muitos tem dificuldades para escrever uma redação. Volte sempre.

  3. sirley
    30 maio, 2013 at 16:03 - Reply

    achei otimo este texto

  4. Andreia
    2 outubro, 2013 at 16:08 - Reply

    Parabéns gostei muuiito da aula!!

  5. Vanessa Mayara
    21 outubro, 2013 at 16:44 - Reply

    achei muito interessante. Este ano vou fazer somente para testar, pois estou cursando o segundo ano mas se Deus quiser que eu passe este ano ficarei muito feliz.